Categoria: Saúde - 180 horas

Modalidade: Aperfeiçoamento


Cursos Relacionados

Saúde Pública

A área de Saúde Pública é fundamental para a melhoria da qualidade de vida da população como um todo. Ela é centrada tanto na organização de sistemas e serviços de saúde, quanto na prevenção e entendimento dos mecanismos das doenças, controlando a incidência na população.
É uma área muito importante para o crescimento de um país e para o desenvolvimento de sua população e a demanda por profissionais especializados não pára de crescer. Atualmente existem cursos de bacharelado específicos na área. Por isso, investir na sua formação com um curso de saúde pública pode fazer diferença em sua carreira.
 

A saúde pública no Brasil

É impossível falar em saúde pública no Brasil sem falar do SUS - Sistema Único de Saúde.
Criado em 1988, com a nova constituição, ele proporcionou acesso universal ao sistema público de saúde, sem discriminação.
A atuação do SUS abrange o âmbito primário, mas também média a alta complexidade, além de serviços de urgência e emergência, atenção hospitalar e ações e serviços de vigilância epidemiológica, sanitária e ambiental, como também assistência farmacêutica.

O SUS, em conjunto com as demais políticas, atua na promoção da saúde, prevenção de ocorrência de agravos e recuperação dos doentes. Anteriormente a criação do SUS, pouco havia em termos de saúde pública no Brasil. Na época do Brasil-colônia, as ações de saúde eram limitadas a atuação de entidades ligadas a igreja católica, conhecidas como santa casas. Os problemas sanitários eram muitos, assim como epidemias e doenças tropicais. A situação perdurou por muito tempo, e mesmo depois da independência, os problemas persistiram.

Com declaração da república, as ações de sanitaristas começaram a se intensificar, com o aval do governo, que queria uma população saudável e com capacidade produtiva para o crescimento do país. Um dos destaques foi o médico Oswaldo Cruz, que enfrentou revoltas populares ao defender a vacinação obrigatória.

Durante o período de Getúlio Vargas, algumas leis e pólitcas públicas começaram a ser delineadas, com o intuito de melhorara as ações de saúde para a população.

Na épica da ditadura militar, os investimentos sofreram um corte e doenças como dengue, meningite e malária se intensificaram. Houve aumento das epidemias e da mortalidade infantil, o que obrigou o governo a retomar os investimentos, mas as verbas continuaram muito baixas durante todo o período.
Apenas na década de 80, a saúde foi considerada como um direito do cidadão e houve uma consolidação das políticas públicas relacionadas à saúde, com a criação do SUS.


Os profissionais de gestão de saúde e os desafios atuais

Atualmente, as políticas de gestão da saúde têm um desafio de cada vez maior pela frente. Enfrentar as defasagens do sistema, frente a população que não para de crescer e um mundo cada vez mais complexo e interligado tem sido uma questão constante.
E a demanda por profissionais capacitados e atualizados, que estejam preparados para estes desafios não para de crescer.
O curso de Saúde Pública oferece uma formação integral, num curso totalmente à distância, com carga horária de 180 horas e certificação emitida por Instituição credenciada pelo MEC.

Para conhecer mais sobre os cursos na área de saúde, navegue em nosso site.

Depoimentos